Ponto de vista: Por que o Brasil perdeu a Copa?

 

Mick Jagger? “Write the Future” da Nike? Camisa azul do Brasil? Heineken que eu comprei para assistir o jogo?

Zicas… pode ser, mas nada foi mais crucial para a derrota da seleção do que a falta de um ‘banco’. Se você tem uma bomba relógio (Felipe Melo) prestes a explodir, num jogo de mata-mata de uma Copa do Mundo, é óbvio que não o manteria em campo, principalmente no meio-campo, onde, além de criar jogadas, é preciso marcar forte. Mas o que se passaria pela sua cabeça, ao ver o ‘circo pegando fogo’, olhar para o banco e ver: Kleberson, Josué ou até Júlio Baptista (que poderia atuar sem ser tão ofensivo – mas que teve atuação pífia contra Portugal)? E o que você faria? Rezaria? Suicídio? A opção escolhida foi esperar. Esperar o inevitável. Não que o Felipe Melo ou Dunga tenham sido os únicos culpados, eles foram decisivos, mas haviam cúmplices. Tivemos 4 anos para nos preparar. Tudo bem que fomos bem melhor do que França, Itália ou Inglaterra, mas o Brasil é o país do futebol (embora o esporte seja inglês), onde craques são reveladas a todo o momento. Quero dizer, não caberia um Hernanes, um Ganso, um Gaúcho no meio-campo? Um Marcelo (que vinha jogando bem pelo Real Madrid) na ala esquerda?

É fato que um jogador sozinho pode decidir um jogo, mas isso não levará a vitória de uma competição, pois o esporte é coletivo. Onde esteve a seleção brasileira nos 4 primeiros jogos? Na minha opinião, em 5 jogos, o Brasil jogou futebol apenas no 1º tempo (45 minutos) contra a Holanda. Mas e os outros 405 minutos (4 jogos e meio)?

Claro que só elenco não basta. Como foi provado em 2006, tínhamos os melhores talentos individuais, mas não levamos o título, inclusive fomos eliminados nas quartas por Zidane e Henry. É preciso ter um elenco forte e técnico + o espírito de união e competição que Dunga conseguiu trazer a seleção. Essa questão de ter o melhor elenco não significar título é provado pelos ‘galácticos’ do Real Madrid ou mesmo nos tempos de MSI e Corinthians que não obtiveram os resultados que justificassem os investimentos feitos.

Essa derrota mostrou o que 2006 mostrou e não aprendemos. É preciso renovar a seleção. Por que Gilberto Silva e Gilberto foram convocados? Quero dizer, o Gilberto Silva até que fez uma Copa razoável, o Lúcio foi o melhor jogador do Brasil em 2010, jogou em todas as posições e deu raça, mas já tem 32 anos, será que com 36 ele poderia jogar? Por mais raça que tenha, é preciso renovar. Vejamos o exemplo da Alemanha, investiu na base, mudou o modo de jogar e veio mostrando um futebol consistente, técnico, rápido e bonito. Em contraste, há a Itália, que embora tenha o time que ganhou a tríplice coroa (Internazionale) não passou da primeira fase. Isso se deve pelo fato de que a Inter, assim, como muitos times grandes europeus terem muitos estrangeiros, quando chega uma Copa, não há jogadores nativos que façam a diferença.

Agora é esperar pelo ‘pão e circo’ de 2014. E que a politicagem (Ricardo Teixeira X Juvenal Juvêncio) não atrapalhe o esporte. O Morumbi é o estádio mais preparado para absorver jogo de Copa, tirá-lo da lista significa menos investimentos em vários setores da cidade. Seria melhor se esses ‘políticos’ pensassem no coletivo também, em vez do individual.

Quase ia me esquecendo, se for para fazer uma ‘caça às bruxas’ e apontar UM culpado, certamente não seria o Dunga ou Felipe Melo. Eles são peões! Sabe quando o operador de telemarketing de banco te liga para ‘empurrar’ o cartão de crédito e você ‘cospe fogo’ e humilha ele? É a mesma situação, o cara só está fazendo o trabalho dele, as circunstâncias o fizeram aceitar o trabalho. O culpado é quem toma as decisões de forma irresponsável, os maquinadores. Em resumo, Dunga e Felipe Melo estavam na linha de frente e foram apedrejados. O verdadeiro culpado? Ricardo Teixeira, presidente da CBF que chamou Dunga num ato de desespero com consequências previsíveis.

Anúncios

Sobre Albert Takahashi
Brazilian-Japanese, gratuated in advertising, home-broker, traveler, experiencialist, blogger, tweeter guy, youtuber, digital influencer, living/studying French in Montréal currently, analysing the human behaviour and its interaction with the social media.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: